Blog

O Surtando e Desabafando foi inaugurado dia 4 de abril de 2009. A princípio, o Surtando me serviria como um diário aberto para quem quisesse ler, eu falava sobre coisas diversas da minha vida, fossem coleções, manias ou acontecimentos recentes. E durante um bom tempo continuei nesse publicando parte da minha vida para pessoas "desconhecidas". 
Depois de quase 1 ano, no dia 20 de fevereiro de 2010, devido a um morceguinho que invadiu a minha casa, publiquei minha primeira história. Foi ai que tudo começou a mudar.  Ao invés de publicar acontecimentos inusitados, passei a publicar sentimentos. Foram dores, amores, risadas e lembranças traduzidos em palavras. De vez em quando, nos momentos que não conseguia traduzir tudo o que se passava pela minha cabeça, publicava algumas bobagens, músicas, fotos, fosse o que fosse.
Um amigo resolveu me ajudar, inventamos mil e uma coisas juntos, top 3 de músicas, web-séries, desejar feliz aniversário aos leitores, concursos, resumindo: pintamos o sete, mas depois nosso sete foi se descolorindo.
E o tempo foi passando, eu publicava e ele passava. Publiquei de tudo, sobre minhas férias, músicas, textos, poemas, vídeos, sugestões, receitas, fotos, frases. Desanimei, quase abandonei o blog, mas depois voltei, desanimei de novo e voltei de novo. E aqui estou, 2012! Quase três anos se passaram e se vocês voltarem nas postagens antigas, vão perceber como mudei, como o blog mudou.
Já disse em um post (nesse DAQUI, pra quem não se lembra) que o blog é uma parte de mim hoje em dia, se estou ocupada, o blog também está ocupado, se estou feliz, publico felicidade, se estou "apaixonada", apaixonantes serão os meus textos e se estou em crise (como já estive faz um tempo), o blog também estará em crise, sofrendo, abandonado de lado. 
Publico aqui uma parte de mim, uma parte de tudo o que eu sou que escapa pra fora e decide ser compartilhada com sabe-se lá quantas pessoas, esperando que alguém goste e se identifique. Sendo assim, deixo aqui um pedacinho de mim e torço para que vocês gostem desse pequeno pedacinho. Se tiver alguma sugestão ou crítica, será muito bem vindo, deixe seu comentário AQUI. E para ajudar o Surtando a melhorar, perca apenas 2 minutinhos e deixe sua opinião AQUI, acredite, vai fazer toda a diferença.
Com muito carinho, 
uma parte da Luísa.

5 comentários:

  1. Amei muito seu blog!! As dicas de como estudar, as dicas de roupas me deram varias idéias e os posts sobre o amor me fizeram refletir bastante!! Muito bom mesmo, não desista do Surtando porque, assim como me ajuda, ajuda outras muias pessoas!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voce nem imagina como o seu cometario me deixou feliz. Ficou muito contente em saber que voce gostou e que te ajudou bastante, pode deixar que eu nao vou abandona-lo.
      Beijao~
      ps: teclado sem acento :/

      Excluir
  2. Olá, então, estou aqui por que gostaria que respondesse-me uma pergunta! Será que poderia? Eu não sei ao certo onde perguntar, mas fiquei sabendo que você passou um tempo em Paris e gostaria de saber como foi isto para você, como são os franceses de verdade e quanto tempo você ficou naquele país encantador! Sei que francês é um idioma difícil, de certa forma - acho muito lindo, encantador e chique -, por isto, penso em fazer umas aulas de inglês a partir do ano que vem e penso em na segunda metade do ano que vem fazer intercambio lá por 5/6 meses, acha que neste tempo eu conseguirei aprender de fato a lingua? Porque atualmente eu sei.. Nada. Sim, eu realmente não sei, não ouço músicas no idioma e nem tenho contato com ele, infelizmente. Mas acha possível eu aprender neste curto período? Agradeceria muito se você me respondesse! Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, fico feliz em poder ajudar. Bom, eu fui pra Paris morar com a minha mãe quando eu tinha 8 anos, na época eu também não sabia absolutamente nada de francês e demorei uns 3 meses até aprender a me comunicar. Sobre como os franceses são eu não posso dizer muita coisa porque não me lembro, mas eles são sim bem mais frios do que aqui no Brasil (que pais nao é, certo?). Morar em Paris durante um ano foi uma experiência incrível e cada vez que passo ferias lá eu me apaixono ainda mais pela cidade. Acho que por inglês você quis dizer francês, certo? Bom, pra fazer o intercâmbio high school você precisa ter um conhecimento mínimo da língua (o suficiente pra poder se virar lá sozinha), então eu sugiro que você já comece a fazer um curso intensivo de francês logo no próximo semestre e procurar ter o máximo de contato com a língua que você puder, já que em apenas um ano o seu francês não vai estar tão bom assim. Vale lembrar também que muito provavelmente você moraria em uma cidade pequena, talvez distante de Paris, mas de qualquer maneira tudo é muito perto por lá e você com certeza visitaria Paris. Bom, espero ter ajudado.. Se tiver mais alguma duvida pode deixar um comentário aqui mesmo. Desculpa pela demora..
      Um beijão, Lu.

      Excluir

Gostou? Não gostou? Tem algo para compartilhar? Sinta-se à vontade. Vou adorar saber o que passou na sua cabeça enquanto você lia esse post.