sexta-feira, 14 de maio de 2010

Alice na cidade maravilhosa [8]

Seria algo sério ou nada de muita importância? Adormeci com essas perguntas na minha cabeça. Acordei com o meu despertador tocando “Wake up in the morning feeling like P Diddy…” 6h00 da manhã. Levantei-me, coloquei meu uniforme, de café da manhã, tomei o de sempre: iogurte natural semi-desnatado, pão com nutella e uma maçã – mamãe era nutricionista, então sempre tenho que ter uma “dieta natural e balanceada” como diria ela. 6h40 eu já estava pronta, apenas esperando que papai terminasse de se aprontar e me deixasse na aula. Cheguei na escola, coloquei minha mochila na 4° cadeira da 5° fileira – eu sempre podia escolher o lugar que eu quisesse, eu era a primeira da minha sala a chegar - e sai para cumprimentar todo o pessoal, a sala da Drica e da Gabs eram no final do corredor, mas mesmo assim foram as primeiras que eu cumprimentei, e quando digo cumprimentar, estão inclusos gritinhos de felicidade pela nossa viagem juntas e abraços apertados.
Ficamos indo e voltando pelo corredor e nosso grupo ia aumentando a medida que nossos amigos iam chegando, numa felicidade só, até que ela chegou. Vocês certamente sabem quem ela é, toda escola tem uma, ela é a mais linda, a mais popular, a mais gostosa, a que já ficou com todos os mais gatos, aquela super na moda, sim, aquela a rainha. O nome dela, da “vossa majestade”, no meu conto de fadas é Britney, ah sim, é claro, ela vive se exibindo porque o seu nome era inglês e blábláblá. É ridículo, eu sei, mas acredite, muitas pessoas na minha escola acham isso o máximo. Eu confesso, que me revolto muito com essas atitudes e pensamentos ridículos, confesso também que apesar de pensar isso, eu tenho um pouco dessas pessoas, mas é inevitável não ter, está imposto na sociedade. Mas chega de confissões, porque de confissão em confissão, vou filosofar demais aqui, e vocês vão quase dormir. Enfim, o sinal bateu e voltamos cada uma para suas salas, tivemos as três primeiras aulas e o recreio, que foi um pouco tenso porque teríamos prova, mas foi também muito divertido, eu e Drica contamos nossas “aventuras” com a Mari. Hora da prova! Sai pasma e ansiosa para ver meu resultado, que sairia 30 minutos depois. Esses 30 minutos passaram tão rápido que eu nem percebi, fui pegar meu resultado na secretaria. Qual terá sido o rmeu resultado? Essa pergunta não me deixava em paz enquanto eu esperava na fila.
***
Dedico esse post para uma menina muito linda e especial, que há pouco tempo teve o mesmo pensamento que Alice.

3 comentários:

  1. depois dedica um post pra mim ?
    sua fã numero 1, USHUHAS' beeijos ;*

    ResponderExcluir
  2. e quem é a menina a quem foi dedicado o poost ?
    vocêe?

    ResponderExcluir
  3. irene, claro!! kkkk. *-*
    anonimo, não nao, uma amiga (;

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Tem algo para compartilhar? Sinta-se à vontade. Vou adorar saber o que passou na sua cabeça enquanto você lia esse post.