sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Sentindo-se deslocada

 Duvido que alguém desse planeta nunca tenha se sentido deslocado ou até mesmo excluído de certos grupos. Seja pelo ambiente, elas pessoas, como vocês está se sentindo, não importa. Se sentir deslocado de vez em quado é totalmente normal, acontece. Existem pessoas que, pela convivência ou por interesses diversos, nós realmente temos mais afinidade e outras que nem tanto. Dá mesma forma como existem ambientes com os quais estamos mais familiarizados e nos sentirmos mais confortáveis e outros que fogem do nosso costume. 
Esse deslocamento pode ser só uma questão de hábito, nesse caso, você vai se adaptando aos poucos, mas se o sentimento é muito profundo e dura por muito tempo, algo está errado. E se algo está errado, forçar não vai adiantar de nada, muito pelo contrário, pode inclusive te prejudicar. Do mesmo jeito que você não vai se sentir bem forçando, os outros não vão gostar da sua intromissão. O sentimento de invasão pode, muitas vezes, te afastar das pessoas.
Se a situação não melhora e você não se sente à vontade, está na hora de passar pra outra. Você tentou, se esforçou, forçou e nada? Segue em frente, procure uma situação que te faça bem. Pessoalmente, eu acho que esse "toque" é algo que tem que vir naturalmente, é muito seu. Não adianta dizer que é melhor procurar outras pessoas ou outros ambientes, você precisa perceber isso, e só percebendo, sozinha, é que a "dica" realmente fará efeito. Só assim você vai ter um profundo e pessoal entendimento da coisa. A partir do momento em que nós percebemos por conta própria que precisamos mudar algo ou agir de forma diferente tudo começa a se encaixar. Novas pessoas, novas oportunidades e novas experiências irão surgir e de repente você vai se sentir completamente imersa na situação, vai se sentir uma parte verdadeiramente essencial daquilo. 
Então sempre que se sentir excluída ou deslocada, antes de tudo, procure se encaixar é claro, mas se as coisas não derem certo, não tenha medo de mudar um pouco as coisas, nunca se sabe o que está a sua espera.

3 comentários:

  1. "Estar descolado" foi uma coisa que eu experimentei muito durante o ano passado e esse ano. Depois de ter voltado para o cursinho, vi minhas amigas entrando na faculdade: o maravilhoso mundo das festas. Quando a única coisa que eu sabia falar era vestibular. DUHASIDUHA Fiquei muuuuito descolada. Eu não tinha papo, não queria me divertir, não queria fazer nada, na verdade. Mas agora, estou aprendendo a lidar com coisas diferentes. Uma hora eu chego lá.
    Sobre o post sobre resumos que você sugeriu, COM CERTEZA! É uma ótima ideia! Essa semana eu já o faço e posto lá no TNT Head! Obrigada pela sugestão *-*

    ResponderExcluir
  2. Muitas vezes sinto-me assim, seja por está em um ambiente desconhecido ou vivenciando coisas diferentes das pessoas que vivem ao meu lado. Acho que o deslocamento tem lá seus pontos positivos, é como se saíssemos de uma uma roda e pudéssemos enxergar tudo ao nosso redor com uma visão mais clara e aberta para as coisas. Acredito também que nada é por acaso, para tudo há uma explicação e nada é em vão !!

    beijos, adorei o post <3
    http://comoumrefugio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Aqui é muito lindo *--*
    já estou te seguindo, segue de volta ? beijos :*

    http://thayshafer.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Tem algo para compartilhar? Sinta-se à vontade. Vou adorar saber o que passou na sua cabeça enquanto você lia esse post.