quinta-feira, 14 de junho de 2012

Sonhando acordada

Não tenho dormido mais. Por que eu dormiria? Eu costumava te encontrar nos meus sonhos e agora tudo o que eu vejo é uma menina chorando no canto. Ainda passo noites em claro pensando em você, obviamente, mas pensar dói menos do que visualizar e sentir como se tudo aquilo fosse real, quando tudo não passa apenas de um sonho. Com pensamentos eu não me iludo, fantasio com consciência de que é tudo uma grande mentira, ciente de que a garota nos seus braços não sou eu, e sim aquela nova garota carioca que você conheceu, Emanuele, se eu não me engano.

É do sotaque "gosssshtoso" dela que você deve estar tirando sarro agora mesmo. São nos fios longos e ruivos dela que você deve estar passando a mão. É com ela que você deve estar sonhando enquanto dorme de conchinha encostando seus pés frios no dela. E quando acordar, é pra ela que você vai dizer que teve um sonho incrível no qual vocês dois se casavam no melhor estilo Elvis Presley num cassino em Vegas, como você sempre sonhou.

Será que agora você entende por que eu não durmo mais? Você antes sonhava comigo e com o nosso casamento, agora meu lugar no altar é ocupado por alguém 7cm mais alta. Por que sonhar? Eu prefiro apenas lembrar racionalmente dos nossos momentos juntos, por mais doloroso que seja aceitar que agora são só lembranças.

Não tenho dormigd por enquanto, mas o próximo que merecer os meus sonhos terá muitas horas acumuladas.

6 comentários:

  1. Nossa lindo o texto em flor você tem talento pra escrita ! http://evelynsousa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Texto triste, mas lindo. Não sonhe com quem não merece, viu? Está certa mesmo de guardar seu sonho pra quem realmente merecer.
    Kiss, Cat
    http://blogdoceilusao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Triste, mais com seu toque lindo !
    AMEI, o blog linda beijos

    www.meninas-sonhadoras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Lindo!
    Talento incrível, parabéns!!

    ResponderExcluir

Gostou? Não gostou? Tem algo para compartilhar? Sinta-se à vontade. Vou adorar saber o que passou na sua cabeça enquanto você lia esse post.